Melhoramentos na perfusão sanguínea cerebral e na perfusão dos órgãos corporais durante procedimentos anestésicos

Este projeto visa melhorar os procedimentos anestésicos através de um estabelecimento de um modelo de correlação farmacocinética e farmacodinâmica de fármacos anestésicos como o propofol.

A relação encontrada entre os doseamentos plasmáticos do fármacos e parâmetros vitais recolhidos durante os procedimentos anestésicos, bem como resultados de análises teciduais post-mortem, será usada para optimizar um modelo de administração endovenosa de anestésicos que garanta os melhores resultados clínicos.

Participante da UFP:

Mais informações em: ligação

Entidade proponente:

  • Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro (UTAD)

Projeto apoiado por:

  • Fundação para a Ciência e a Tecnologia (referência PTDC/CVT/101999/2008)