Desenvolvimento de psicólogos em formação e em exercício da sua prática profissional

A relevância do estágio académico na preparação de futuros psicólogos para o exercício profissional, justifica a condução de estudos que analisem esta experiência na perspetiva dos alunos, na senda de contribuírem para a adoção de boas práticas durante o processo formativo. Neste quadro, e tendo por referência as recomendações da Federação Europeia de Psicólogos e da Ordem dos Psicólogos Portugueses nesta matéria, a presente investigação tem como objetivo geral avaliar a experiência subjetiva de alunos finalistas do 2.º ciclo de estudos em Psicologia da UFP, em termos de habilidades técnicas e emocionais por si percecionadas como adquiridas e/ou vivenciadas, e respetivo desenvolvimento ao longo do estágio académico, e ainda estudar o impacto que a atividade profissional poderá ter ao nível da saúde e bem-estar de psicólogos já inseridos no mercado de trabalho, que exercem funções em diferentes áreas profissionais da prática psicológica.

Participantes da UFP:

Projetos em curso:

  1. O impacto do estágio curricular no funcionamento psicológico de psicólogos em formação
    Objetivo geral: avaliar o impacto que a experiência estágio curricular poderá ter em variáveis pessoais e relacionais do futuro psicólogo, como a empatia, vinculação e autoeficácia, bem-estar e saúde mental.
  2. O impacto da atividade profissional na saúde e bem estar de psicólogos
    Objetivo geral: caraterizar o impacto que as características da atividade profissional tem na saúde e bem-estar de psicólogos já formados e que estão a exercer a sua atividade profissional.

Projeto apoiado por:

  • Fundação Ensino e Cultura Fernando Pessoa